Susto Noturno

 
 
A emoção bateu a porta.. 
Um grito..  meu grito..  um sonho estupido na noite.. 
Seu esqueleto a espera em frente a linha branca.. 
Beijo com sabor de morte.. 
Um abraco.. uma suplica.. 
Uma breve ternura.. 
Quase amor.. 
Como podes dizer que nao sofro..  e nao sofri.. 
Como podes dizer que nao amo.. e que nao amei.. 
Mas seu beijo me carregava pra morte.. 
Seu desejo me levava pra distante de mim.. 
Eu fraca, deixava.. 
E todas as dores que meu corpo sentia.. 
Era, como sempre, eu me desviando do meu caminho.. 
Porem.. 
sinto falta do seu olhar..  
Daqueles olhos grandes me chamando.. 
Daquela ignorancia infantil de  se concentrar no cabelo desarrumado.. 
ou na bermuda caida..  sim, voce é bonito..  mas eu nunca o vi assim.. 
meus parametros sempre foram outros.. nao sei explicar.. 
Em que idade sua mente parou.. ??
Que ingenuidade.. sua crianca nao deixou crescer o seu homem.. 
Eh.. mas sinto falta de ve-lo crendo naquilo que eu ja nao creio de mim.. 
Por que me acordastes?.. me empurrastes?? 
Nao me deixastes no quarto chorando por aquele que nao existe??
Meu espelho agora esta apagado.. 
Tenho planos de quebra-lo.. joga-lo no chao.. 
Que visao tera uma mulher que quebra seu proprio espelho.. ??
Minha alma esta la.. 
E meu portal para o obscuro.. 
Sim.. 
eu ouvi voce batendo na porta.. 
e gritei..
tive medo da vida.. 
tive medo de morrer.. 
                      Bebe.. 

Leave a Reply