Anjos? Caidos?

O que suspiram em meus ouvidos, anjos.. ?? 
Nao quero escuta-los.. nao quero ouvi-los.. 
Quero partir.. 
Oh almas descidas.. caidas dos ceus.. 
Tenho eu ao menos na aflicao o direito a ter meu livre-arbitrio?? 
Oh almas descidas.. caidas das nuvens.. 
Me guias? ou me manipulas?
Ha destino? 
As cartas apresentam o cavaleiro montado.. 
Mas nao quero espera-lo.. nem quero ser salva.. 
So quero partir.. 
Esmeralda morreu.. 
Nao ha como reve-la.. 
Quasimodo morreu.. 
Nao ha como reve-lo.. 
o que querem mais de mim e de meu amor?
Nao ha lagrimas para chorar.. porque os rios secaram.. 
Nao ha flores para colher.. porque as plantas murcharam.. 
Nao ha homens para salvar.. porque todos pecaram.. 
Agora.. me deixem partir.. 
Ter clareza.. e perceber mais doencas do que as que eu ja via.. 
Nao posso cura-las.. 
Porque devo nota-las?? 
Emeralda morreu.. 
Quasimodo morreu.. 
Sequer estao juntos em seu leito de morte.. 
Nem isso foi possivel ao escrever minha historia..

Leave a Reply